45609132_1515104435303008_3661632810101243904_n

Não concordo com invasões de terrenos públicos e muito menos os privados. As pessoas que não tem moradia, nem emprego e não sabem como nem para onde ir com a família deveriam postar-se em frente as Secretarias de Habitação e só sair de lá com alguma ação concreta dos responsáveis. Mas invasão de propriedade sou contra.

Claro que dirão que falar isso sem nunca ter passado por situação semelhante parece fácil, eu sei. Eu e muitos dos meus parentes já moraram de aluguel por muitos anos e após muito esforço e trabalho conseguiram comprar imóveis. A família é grande e vários ainda pagam aluguel mas , que eu saiba, não invadiram terrenos públicos nem privados.

PORÉM, em minha opinião, a apresentação desta Notificação de Contenção de Ocupações Irregulares deveria vir com as instruções para as famílias sobre os Projetos Habitacionais em andamento na cidade, bem como, com as instruções para que registrem-se e também os prazos de entrega/compra (não sou a favor de dar nada de graça para ninguém exceto em casos específicos de doenças e outros).

As Gestões anteriores permitiram as invasões. Muitos bairros em São Bernardo são resultado de invasões inclusive com ajuda de políticos que ainda respondem por processos devido à estes apoios.

• Agora vem a gestão atual, APÓS AS ELEIÇÕES, e simplesmente pretende retirar as famílias do local?

• E para onde vão Sr Secretário da Habitação de São Bernardo do Campo Dr João Abukater Neto?

• E a fiscalização preventiva para que não ocupassem o local e de imediato ja fossem direcionadas para os projetos habitacionais ou alguma outra solução?

Ricardo Garcia #RG30
http://www.ricardogarcia.saobernardo.br


“Carta dos Moradores da Vila dos Cafezais-Montanhao ao prefeito e a população de São Bernardo do Campo

Nós, moradores da Vila dos Cafezais-Montanhao, trabalhadores e trabalhadoras, que vivemos aqui com nossas famílias, fomos surpreendidos com uma notificação de despejo feito pela secretaria de habitação da prefeitura de São Bernardo, a diversos moradores do bairro. Vivemos aqui, muitas vezes em condições precárias por não ter alternativa, visto que o preço dos imóveis em São Bernardo seja para comprar ou para alugar estão num valor muito acima das condições da maioria do povo da cidade. Como ja informamos nos diversos cadastros feitos por diversas entidades públicas como a Sabesp e a própria prefeitura, estamos aguardando uma proposta da administração muncipal em relação a uma possibilidade de moradia em outro local, por isso ficamos muito surpresos com essa ordem de despejo. Estamos dispostos ao diálogo, mas por enquanto é aqui que está a nossa casa, nossas crianças e os bens que conquistamos com nosso trabalho, e não temos outro lugar para ir. Por essa razão apelamos ao prefeito Orlando Morando que não nos coloque no olho da rua. Pedimos também que o poder legislativo e judiciario municipal intervenham na questão. Pedimos ainda a solidariedade de toda a população de São Bernardo, para nos ajudar a evitar essa grande tragédia.

Vila dos Cafezais-Montanhao, São Bernardo do Campo, 01 de Novembro de 2018

#Compartilhem #Ajudanois #todospelomontanhão
#record #tvberno #globo #g1 #balanço”


 

Posted by:Ricardo Garcia

Cidadão São Bernardense, Empreendedor, Empresário.