Em 2016 estampavam no Diário do Grande ABC, manchetes de lojas fechadas na tradicional Rua Jurubatuba em São Bernardo do Campo.

Era o problema de São Bernardo do Campo e Orlando Morando se colocava como solução.

Hoje, mais de 2 anos e meio após empossado no cargo de prefeito, o que se tem é marketagem e desemprego disfarçado de esperança altas doses de marketagem. Ou alguém esqueceu que Orlando Morando anunciou a compra da Ford, quando na verdade ainda estão negociando com a CAOA ?

A atitude típica do ser soberbo é contar com ovo na barriga da galinha, que aliás o faz com frequência, ou também esqueceram que ele vazou na mídia submissa regional que ele seria da executiva nacional do PSDB com as bençãos de João Doria e no fim não foi ?? Ainda teve a coragem de dizer que será suplente como se fosse alguma coisa, suplente é reserva.

Mas o que venho dizer é que segundo Dados oficiais do Governo Federal, no período de janeiro de 2017 ( posse de Orlando Morando) até o mês de setembro de 2019, São Bernardo do Campo teve apenas um saldo positivo de 1.583 empregos formais.

Para quem se elegeu com o discurso de geração de emprego, está muito abaixo do esperado, para se ter ideia, a cidade vizinha Santo André no mesmo período gerou 4.563 empregos.

Se levássemos em conta só o número de empregos gerados em São Bernardo como se votos fossem, Orlando Morando não se elegeria nem Vereador , tendo em vista que o vereador eleito com menos votos foi o vereador Fran Silva, totalizando 2.111 votos.

Mais trabalho e menos marketagem Sr. Prefeito !!